Desorientada

tumblr_ly0waabXA61qdfytto1_500

Meu querido,

as lembranças que tenho de nós estão se dissipando rápido e sem rastros, como a fumaça do café. No piscar de olhos entre nossa separação e o hoje, sozinho, meu coração permanece quente e o café esfria. Me lembro cada vez menos dos teus detalhes e me pego reconhecendo que isso é bom.

O que resta – e ainda machuca – é o abraço dolorido da ausência do amor, não o teu, mas um que preenchesse os espaços vazios no meu corpo e na minha mente que você deixou quando levou tuas coisas para outro caminho, para outro endereço, para outra pessoa.

O seu amor mudou em mim a melhor e a pior parte da minha fundação. Fortaleceu o que me sustentava, mas também levantou muros. Eu até hoje não sei dizer se as minhas fugas repetidas de novos amores são motivadas por essas mudanças que esse amor causou em mim. Quando a gente vive um amor genuíno e forte, é difícil se arriscar a viver um meio-amor, uma meio-história.

Depois de passar tanto tempo só, eu comecei a evitar o amor como se ele fosse uma espécie de queda livre sem pára-quedas, onde a minha única certeza fosse de que eu iria quebrar a cara no final. Eu não te culpo por isso. De um jeito ou de outro, sem teu amor, eu não teria aprendido a confiar nas minhas próprias asas para voar mais alto e mais longe, onde causa arrepios e os riscos são maiores.

Acontece que eu nunca mais tive essa sensação de vertigem, de frio na barriga, esse pânico de paralisar sentidos que o teu amor me causava, talvez por ter saído correndo tantas vezes, talvez porque meus muros eram altos demais e qualquer um que se arriscava a escalá-los, acabava por desistir no meio do caminho.

Meu coração está perdido. Desorientou.

Desorientou ao vislumbrar toda as possibilidades perdidas de enlaces que retomariam o meu rumo. Desorientou ao relembrar todas as minhas fugas, meus medos, meus recuos.

Até hoje eu busco o pedaço que me falta, a coragem de pular de um novo penhasco, o sopro de vida nova que só o amor carrega. Amor grita por coragem. E eu grito por um amor.

Anúncios

10 comentários sobre “Desorientada

  1. Leu a minha mente … rsrs. Perfeito, me identifiquei muito. Sinto isso também sem a decepção que tive a um tempo atrás no amor, talvez não tivesse tido o impulso para aprender a me amar, a mim própria me fazer feliz …

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s