Sim, o tempo passa…

tumblr_m11o5a4SCq1rnilzro1_500

É pessoal, não dá para escapar. Estamos ficando velhos e não há nada que possamos fazer. O jeito é se conformar e ir aproveitando a vida e fazer dela a melhor, porque sim, o tempo voa.

As coisas vão perder a graça. Você não terá mais tanta paciência para certos tipos de pessoas. Seus hábitos irão mudar, seus gostos também e você irá amadurecer. Assim espero né? Nesse momento da sua vida você tem prioridades, daqui uns anos provavelmente elas irão mudar, ou serão invertidas. Tudo muda, é um ciclo. Difícil algumas coisas durarem por toda uma vida.

E acho que isso que é a graça de envelhecer. Você passar por situações novas, adquiri aprendizados pelas experiências vividas. Você se vê de outro jeito e vê as coisas de outra forma. Acredito que envelhecer deve ser uma dádiva, porque já aconteceu tanta coisa na sua vida e não há mais aquela inocência de antes. Você olha para a vida das pessoas e pensa: Já vi esse filme.

Estou com 25 anos, mas todo mundo diz que eu tenho cara de 20. Que bom né? Eu particularmente quero viver na terra do nunca, porque morro de medo de envelhecer. Sei que é besteira, que faz parte da vida, mas gosto tanto de ser jovem, de ter disposição para as coisas. Talvez possa ser insegurança da minha parte… Quem não fica com um friozinho na barriga só de pensar no futuro?

Eu sempre fui muito baladeira. Saía praticamente toda sexta, sábado e domingo. E mais ou menos de um ano para cá as coisas mudaram. Prefiro barzinho à balada, prefiro muito mais beber na casa dos amigos do que virar à noite na rua. Prefiro muito mais ficar vendo Netflix do que sair por aí procurando macho. E eu sempre adorei conhecer gente nova, adorava sair. Eu estava em todas as festas e lugares que me chamavam. Minha mãe sempre foi muito liberal comigo, eu saía desde os meus 14 anos e sempre pensei: Nossa, nunca vou deixar de ir para as baladas, vou ser aquelas velhinhas que arrasam nas pistas!

Ledo engano, cá estou eu com 25 anos e cansadona dessas coisas. Esse último mês resolvi repaginar e sair bastante para curtir a noite de São Paulo. Quem disse que eu consegui aguentar muito tempo? 3 da manhã e minhas pernas doíam e eu não tinha pique nem pra ficar de um lado para o outro. Fiquei meio triste porque eu não era assim, e saio com amigos mais novos que eu e sempre sou a velha da turma, mas eles vão me entender um dia.

O tempo passa para todos. Quanto mais novos somos, mais disposição temos para fazer as coisas. Então aproveite a sua idade qualquer que ela seja, porque mais novo você não vai ficar. Saia se quiser sair, fique estudando se quiser ficar, mas aproveite o seu tempo e não o deixe passar em vão. Sei que é clichê, mas a vida é tão curta para depois você se lamentar lá na frente. Ela passa tão rápido e a gente fica muito acomodado com tudo, essa é a verdade. Vai lá, aproveite-a. Não tenha vergonha de correr atrás das suas coisas, de demonstrar seus sentimento para os outros. Poxa, a vida é sua, só sua e uma hora ela acaba, então tá esperando o quê?

Anúncios

8 comentários sobre “Sim, o tempo passa…

  1. Hoje olhei uma foto minha, de exatos 5 anos atrás, estava com a tua idade, dois anos antes eu andava cansadíssima das mesmas questões que tu expôs. Já tinha a minha casa (desde os 15), meu trampo, meu carro e o meu filho (fui mãe solteira). Não estava com saco pra mais nada que estivesse fora da minha correria, obrigações e perrengues. Enfim, do nada minha vida deu uma girada, me casei em 1 ano e meio com um amigo (uma louca hist), me mudei pro interior, virei “dona de casa” e hoje tenho mais um bebê. Me lembro quantas vezes eu disse que nunca ia casar e muito menos ter mais um filho. Mas “estamos” ai. Hoje bem mais feliz. Mas o que eu quero te dizer é que, além de gostar muito dos teus textos (pois identifico muito comigo mais nova), a gente tem que viver MESMO, pois as coisas acontecem de maneira muito louca. Essa transição para a “velhice” é meio chocante, mas esses “tempos” nos dão gás pra novas fases que vem logo adiante. E pelas tuas palavras, acredito que estás entrando em uma! Enjoy!

    Curtido por 2 pessoas

  2. A parte de expor e reprimir sentimentos nas horas certas é difícilima… Tenho 23 anos, sempre fui extremamente estudiosa e caseira e… Hoje continuo assim e com uma preguiça monstra de sair final de semana ou de ficar para o happy hour com o pessoal do trabalho… Mas hoje sinto falta de algo que não sentia a menor necessidade até meus dezenove anos: de me apaixonar e me sentir amada, de ter um namorado…

    Curtido por 1 pessoa

  3. Mel, a idade avança, a experiência aumenta, mas as memórias também. Aproveite, pois você ainda é bem jovem e curta este momento que está passando. Depois, tudo se assenta e nossa vida segue morna, ao lado de quem amamos, ou gostamos, ou sei lá…rs
    Um beijo pra você.
    Alex

    Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s