Playboy de Roupa Nova

playboy2

Neste mês, saiu a notícia que fez muitos estranharem: a Playboy americana vai perder os nudes. Apesar da novidade não se aplicar a todos os países, o diretor da edição americana não interferirá no que será feito no exterior, já que a revista respeita o mercado local, dando a autonomia da decisão para a direção de cada país. A brasileira ainda não tomou um posicionamento, mas a mudança começa em março para os americanos.

O argumento deles é de que a Playboy é uma revista comportamental masculina (ok, como se muitas pessoas comprassem a revista por estarem interessados apenas nos artigos) e que os interesses atuais mudaram – e, com eles, também a venda da revista, que só tem diminuído.

O tradicionalismo de muitos fãs não está tornando fácil a aceitação da nova ideia. Mas ela faz todo o sentido, e eu explico o porquê. Hoje, não só é fácil encontrar (ou receber) nudes de mulheres pela internet, como também é possível especificar sua busca pelos nudes que mais te interessam. O maior diferencial da Playboy com a concorrência online seria a arte final e o fato das modelos estarem bem preparadas para as fotos – e isso, nós também já conseguimos encontrar com facilidade pela internet. O que aconteceu, de fato, foi a mudança do sex appel.

O apelo sexual é, sem dúvidas, a maior ideia por trás da revista, porém, a imagem da mulher puramente nua acabou se tornando obsoleta. Sutilmente, o sexy deixou de ser apenas um corpo nu. Resta agora esperar para ver como será a transição para  as sessões de fotos de playmates sexys sem ar de ultrapassadas.

Agora, porém, a revista investirá seriamente nas reportagens de cunho comportamental e estilo de vida. Por mais que seja alvo de brincadeiras a ideia de comprar a Playboy para a leitura, a revista sempre trouxe conteúdos interessantes à tona que ganharão maior espaço para serem explorados.

Com a nova cara, a Playboy pode mostrar o quanto sua marca realmente não se rende à medidas antigas apenas para tentar segurar algo que não cola mais. Com um passo visionário, eles aceitaram a ideia de se adaptarem às mudanças e aos novos chamados do mercado. Mas quem está indignado, deixa seu grito aqui nos comentários que será um prazer entender outro ponto de vista. 😉

Anúncios

8 comentários sobre “Playboy de Roupa Nova

  1. Que me perdoe a Playboy, mas duvido que a revista sobreviva sem a nudez feminina. O que chamava e chama a atenção até hoje são as coelhinhas e tudo relacionada a elas. Ninguém ou pelo menos eu, nunca comprou a revista pensando na reportagem de gravatas, ou nas piadas da playboy.
    Será um suicídio para a Playboy.
    Super beijo
    Alex

    Curtido por 2 pessoas

    • Realmente, quem não é louco pelas coelhinhas? Sem elas, acho difícil mesmo darem atenção para a renovação da revista. Mas ainda bota fé hahahaha Estou super ansiosa para ver no que vai dar pq ou é falência absoluta ou é a mudança para reverter a queda brusca das vendas…
      Beijosss

      Curtido por 1 pessoa

  2. Gosto de pensar que há mesmo uma mudança de mentalidade masculino. Achei ousado a maior revista de nudes do mundo tomar essa atitude. Exalto muito a atitude deles. Mas, apesar disso, dessa mudança, ainda é fácil encontrar pornografia na internet. Enfim, um viva pra playboy.

    Curtido por 2 pessoas

  3. A Playboy, com ou sem coelhinhas, sempre foi um EXCELENTE revista. Havia matérias de todos os tipos, entrevistas, piadas, etc., e era tudo muito bem feito. Apesar das mulheres nuas, podemos até dizer que as fotos eram/são bastante conservadoras em relação ao que vemos nos dias de hoje, e esse era o grande diferencial da revista. Parte da erotização da foto ficava por conta do leitor. Nem tudo era tão óbvio, e na minha modesta opinião, o óbvio nesse caso é desnecessário. Aliás, o óbvio banaliza, e de alguma forma “deserotiza”. Talvez eu seja uma ilha por pensar assim, mas é como vejo as coisas.

    Curtir

  4. Sinceramente, seu zelador preferido não acha que tem nada de “A cabeça masculina mudou” mas sim “o mercado mudou”. A revista física como conhecemos está sim perdendo espaço, não só a playboy, tudo ta indo pra net. Olha o cinema, olha a Netflix. E depois, as fotos ainda assim vão parar na internet. Com gente nua ou não. Aguardai-vos! Beijos

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s