Dar no Primeiro Encontro

date02

Em pleno século 21, isso ainda é considerado tabu no Brasil. Admito que acho estranho, levando em consideração que o brasileiro não tem nenhuma fama de tradicionalista e que há países em que a tradição costuma ser: não me coma de primeira e não conseguirá comer mais ninguém de tão mal falado que vou te deixar. Sim, um pouco bizarro. Mas cultural.

A questão cultural é o que mais inibe ou influencia alguém ao tomar essa decisão. Em uma família extremamente rígida, dificilmente a garota vai se soltar em um primeiro encontro ao ponto de chegar nos finalmentes. Isso porque, mesmo em casas de mãe solteira, ainda ouvimos que isso é coisa de “vadia” ou de quem não se dá valor. Será mesmo?

Todos nós gostamos de sexo; minha nossa, quem não gosta? Ok, não generalizando, até existe, mas isso é assunto para outro post. O único motivo pelo qual seria ruim dar no primeiro encontro é: se você não sentiu a química. Se o feeling do momento, o tesão, a vontade, não está ali, então seja verdadeira consigo mesma. Não vá abrir as pernas só porque você achou o cara interessante e ele se mostrou super afim. Se está, então transar não será um problema.

date01

Estou cansada de ver mulher que fala que o cara se aproveitou dela e depois sumiu. Acorda! Se não estava afim de sexo, era só não fazer. Quando os dois querem, ninguém está se aproveitando de ninguém. Se não há compromisso ali, não sonhe acordada com algo que poderia ser. Apenas curta o momento por você mesma! Independentemente do que o seu parceiro estiver querendo, você precisa estar confortável e não fazendo algo forçada, dessa forma não tem do que reclamar e todo mundo aproveita! Se for para correr o risco de se sentir desvalorizada, nem faça.

Sobre dar para segurar o cara: maior furada. Não é porque vocês transaram logo de cara que ele continuará atrás de você, assim como o mesmo não se aplica só porque você fez cu doce. Se ele ligar no dia seguinte, é porque te achou interessante, ponto. Tendo transado ou não.

Mas quer saber? Não transe pensando nisso. E se o cara não quiser mais nada, que diferença faz? Você teve uma noite deliciosa (assim espero), deu para acordar com um sorrisão, e ainda não tem aquele male de alguém pegando no seu pé. Aproveita! O importante é curtir o momento (com camisinha, please)!

E fica a dica: se não quiser, não provoque.

Anúncios

2 comentários sobre “Dar no Primeiro Encontro

  1. Acho que isso vai do momento, também. Achava que a garota que saía comigo no primeiro encontro já devia ter feito isso várias vezes com outros e não merecia ser minha namorada. Que bobagem, pois até hoje lamento-me de alguns relacionamentos que não levei adiante por causa disso. Se a garota acha que o cara vale muito a pena, não tem porquê se sentir com medo e se o cara sumir, ele é que não valia a pena. Pensar em segurar um cara através disso é até infantilidade.
    Alex

    Curtir

    • Concordo muito com suas palavras. Também conheço caras que não respeitavam mulheres que aceitavam ir em frente logo no primeiro encontro, mas quando vamos amadurecendo, tomamos outro ponto de vista. Afinal, somo todos seres humanos, o importante é respeitar sua própria vontade – como você disse, é de momento 😉

      Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s